1. O que é o Marketing de Experiência?

Trata-se do conjunto de ações coordenadas que uma empresa faz com o propósito principal de oferecer uma experiência única de consumo para seus clientes.

Enquanto, o marketing tradicional atua de forma racional sobre produtos, o Marketing de Experiência trabalha fundamentalmente o emocional, com foco em oferecer sensações e emoções capazes de seduzir e conquistar os consumidores.

  1. O Marketing de Experiência é indicado somente para grandes empresas? Exige muito investimento?

Não. E esta é uma das grandes diferenças entre o Marketing de Experiência em relação ao Marketing Tradicional. O marketing de Experiencias pode ser aplicado em qualquer tipo de negócio, independentemente do seu tamanho.

Pode ser aplicado em um carrinho de hambúrguer, em um salão de beleza, em uma loja de roupas ou padaria. Aliás, quanto menor a empresa mais fácil fica de experiencializarmos o seu processo de consumo.

  1. Como as pequenas e médias empresas podem utilizar desse recurso para aparecer e vender mais?

As pequenas e médias empresas devem começar o processo de experiencialização de dentro para fora. E deve seguir alguns passos como:

  • Identificar qual a sua causa emocional, ou seja, definir o que poderia ligar emocionalmente com o seus clientes.
  • Depois disso, precisa saber contar uma boa história para o seu cliente( através de propaganda tradicional, através de uma vitrine, embalagem do produto e das redes sociais por exemplo).Essa boas historia deve ser uma narrativa da própria historia da empresa – do sonho inicial, as lutas e suas conquistas.
  • Depois é fundamental, fazer o que chamamos de alinhamento dos 5 sentidos, quanto mais aguçarmos os sentidos no processo de consumo melhor será a percepção de valor do cliente sobre os produtos e serviços oferecidos.
  • É fundamental, criar surpresas positivas durante o processo, ou algo que desperta o que chamamos de WOW!.Algo que marque de forma positiva a experiência de consumo, basicamente entregar mais do que prometeu é um bom começo.
  1. O que pode ser considerado um bom Marketing de experiência?

Temos diversos casos bem sucedidos no Brasil e no exterior.

Um exemplo emblemático e quase universal, que posso citar é o casão da marca norte americana de motos Harley Davidson. Muito mais que uma moto, a marca vende um estilo de vida e faz seus proprietários se sentiram parte de um grupo. Essa sensação não tem preço, é por isso, que quem compra uma harley Davidson dificilmente se preocupa com o preço da moto. Emoção e pertencimento quando conseguimos provocar isso, é bingo!

Ficou interessado, CONHEÇA O MÉTODO EXPERIENCIALIZE!

É uma metodologia exclusiva que facilita a aplicação do Marketing de Experiência em seu negócio. Um processo relativamente simples, que requer baixo investimento, constituído por 7 passos, que são interdependentes e precisam ser aplicados de forma ordenada e consistente. Tudo isso, objetivando transformar a experiência do cliente em algo memorável.

Adquira o livro aqui

marketing de experiência