Com o nome de “O Lugar Mais Feliz do Mundo”, é difícil para nós acreditar que a Disney World  levou apenas um ano entre o surgimento de sua ideia e o início das obras. Um lugar mágico que teve em sua concepção um embasamento de metodologias focadas em dar ao cliente a melhor experiência possível.

Olhando mais de perto, podemos perceber que a Disney não é apenas um lugar que promove diversão para todas as idades, ela é um negócio muito bem estruturado e pensado. A partir disso, podemos (e devemos!) tomar algumas notas e utilizar de inspiração dessa empresa que tem como objetivo transformar sonhos em realidade. Crie um objetivo ousado, alinhe sua empresa a essas dicas, e esteja um passo mais próximo do sucesso.

1. Liderança Está Relacionada com Inspiração, Inovação e Foco
O ponto principal para Walt Disney ser um grande líder foi seu storytelling de tirar o fôlego. Uma coisa é pedir que seus funcionários designem uma função, outra é inspirá-los a agir. Walt te aconselharia a contar uma história a eles. Ao criar a animação Branca de Neve, ao contratar seus animadores, Walt Disney fez questão de contar toda a história, interpretando todos os personagens, até mesmo fazendo as vozes. Ele não era bom em animações, mas garantiu que seus funcionários sabiam exatamente qual trabalho deveriam realizar. Os resultados podem não ser rápidos, o principal é deixar claro seus objetivos, de onde você partiu e para onde você quer chegar.

2. Cada Detalhe Realmente Importa
Encantar está diretamente relacionado com a atitude de quem serve e como o produto é servido. Cada convidado (sim, os visitantes do parque recebem o nome de convidados, mais um detalhe que muda tudo) que vai a Disney percebe que tudo está voltado para transformar sua viagem numa experiência única. A Disney promove pesquisas, recolhe dados qualitativos e quantitativo, examina as necessidades dos clientes e busca criar estratégia para atender a essa necessidades. O trabalho interno reflete no externo, provocando o “UAU” em todos os clientes, por que a empresa sabe o que eles desejam ver e sentir.

3. Faça Seu Sistema Funcionar Corretamente
Cada empresa possui valores, objetivos e procedimentos que giram suas engrenagens. Mas como estão funcionando as coisas por ai? Dentro dos parques da Disney cada funcionário sabe exatamente sua função. Por exemplo, durante longas filas, sempre algum “cast member” irá aparecer para conversar com você ou falar um pouco sobre a Disney, não existe espaço para os convidados ficarem entediados. Cada um desemprenha seu papel corretamente dentro da empresa e, com isso, tudo funciona corretamente e da melhor maneira possível. Quais sistemas que você possui estão funcionando corretamente no seu negócio? Será que não chegou a hora de melhorar isso? Olhe para dentro de seu negócio e faça uma análise sobre papeis e espaços de atuação, sempre há pontos a melhorar.

4. Finalize sempre com o efeito “UAU”
Toda noite, a Disney finaliza seu expediente com uma parada e um show de fogos de artifício que é maior do que qualquer Reveillon. Isso é realmente terminar o dia com um “UAU”. A intenção da Disney é fazer com que todos os momentos, desde sua entrada até sua saída, sejam especiais. Ao sair do parque, a experiência de despedida foi tão boa quando a de chegada, que faz com que eles voltem com frequência. Não foque apenas na primeira impressão, grandes negócios focam em proporcionar grandes momentos durante toda a experiência.

Olhe para o seu negócio e pense: eu impressiono meu cliente em todas as etapas? Ou eu apenas foco em deixa-lo entretido durante poucos momentos? Lembre-se, é mais fácil manter a fidelidade do seu cliente do que conseguir clientes novos. Não se esqueça de sempre surpreender!

Confira mais cases de sucesso aqui.